QUARTAS DE FINAL DA COPA E AS SELEÇÕES DOS SONHOS

Estava eu olhando os confrontos das quartas de final da copa, e me peguei lembrando de grandes jogadores desses países. Me lembrei dos jogos de futebol no videogame onde eu podia montar o meu time e montar assim “o meu time dos sonhos”.  Resolvi então fazer uma lista com esses grandes nomes, e não é que me surgiu a idéia de montar uma “seleção do passado”, mas eram tantos nomes que acabei montando duas.

Separei por chaves. De um lado, Brasil/Colômbia/França/Alemanha e do outro, Holanda/Costa Rica/Argentina/Bélgica.

Alguns podem estar lendo isso e dizendo que é fácil. Só pegar meio time do Brasil de 82, mais meio time de 94 e pronto, outros já colocam Maradona e Van Basten. Concordo, assim fica fácil mesmo, então resolvi me limitar mais e estipulei que só poderia “escalar” jogadores que estavam em atividade de 2000 até 2009, que não estão presentes nesta Copa de 2014 e que cada país deveria contar com ao menos um jogador.

Muitos nomes surgiram, fiz minhas escolhas e eis que surgiram as escalações:

SELEÇÃO 1 SELEÇÃO 2
BRASIL / COLOMBIA / FRANÇA / ALEMANHA HOLANDA / COSTA RICA / ARGENTINA / BÉLGICA
GOLEIROS Barthez (França) Van der Sar (Holanda) GOLEIROS
Kahn (Alemanha) Bonano (Argentina)
Marcos (Brasil) Abbondanzieri (Argentina)
ZAGUEIROS Desailly (França) R. Ayala (Argentina) ZAGUEIROS
Lúcio (Brasil) Heinze (Argentina)
Juan (Brasil) Stam (Holanda)
Gallas (França) Frank de Boer (Holanda)
LATERAIS Lizarazu (França) J. Zanetti (Argentina) LATERAIS
Roberto Carlos (Brasil) Van Bronckhorst (Holanda)
Cafu (Brasil) Reiziger (Holanda)
Thuram (França) Sorín (Argentina)
MEIAS Makelélé (França) Cambiasso (Argentina) MEIAS
Frings (Alemanha) Véron (Argentina)
Petit (França) Davids (Holanda)
Vieira (França) Ortega (Argentina)
Zidane (França) Van der Vaart (Holanda)
Ballack (Alemanha) Wilmots (Bélgica)
Ronaldinho Gaúcho (Brasil) Zenden (Holanda)
ATACANTES Kaká (Brasil) Batistuta (Argentina) ATACANTES
Bierhoff (Alemanha) Claudio Lopez (Argentina)
Aristízabal (Colombia) M. Mpenza (Bélgica)
Henry (França) Wanchope (Costa Rica)
Ronaldo (Brasil) Van Nistelrooy (Holanda)

Destaco desses dois times um jogador que não é tão conhecido no Brasil, mas que fez história em seu país e nos clubes onde jogou, Edgar Davids. Meio campo da Holanda, defendeu a seleção holandesa de 1994 até 2005. Teve participações importantes nas campanhas da Copa do Mundo de 1998 e na Eurocopa 2000, sendo escolhido em ambos para a seleção dos melhores do torneio. Passou por diversos clubes europeus, como Ajax, Milan, Internazionale, Barcelona, Tottenham e Juventus.

Meio campo com uma habilidade sem igual, rápido, incansável, com um potente chute de perna esquerda, preciso nos lançamentos e bom marcador, Davids foi um dos poucos jogadores a defender os três grandes do campeonato italiano.

Deixe uma resposta