Qual o tamanho do Mito Rogério ceni?

Dias após a comemoração do milésimo jogo de Rogério Ceni pelo São Paulo Futebol Clube e o assunto ainda está na pauta do jornalismo esportivo.

Até que ponto é o tamanho do Mito Rogério Ceni?  Muitos adversários, em sua maioria os rivais paulistanos, contestam a qualidade do goleiro em baixo das traves, o que é indiscutivelmente é a sua função principal, e com isso alegam que se trata apenas de um caso bem sucedido de mídia.

No meu entender essa avaliação de que Rogério é fraco como defensor, é a única saída, único argumento (infundado) pra que torcedores rivais não deem o braço a torcer por esse monstro do futebol chamado Rogério Ceni.

Números de recordes de Rogério são intermináveis, não são meros detalhes, não são apenas número de jogos, ou de gols. São recordes de jogos sem levar gol, minutos sem levar gol, recorde de bolas de pratas da revista placar como melhor goleiro, jogador que mais recebeu bola de prata na história, único goleiro a receber bola de ouro, único capitão a erguer 3 vezes seguidas a taça do brasileirão e por aí vai. São 31 títulos e dezenas de recordes pelo mesmo clube.

Estreia como profissional contra o Tenerife na espanha, e ele defendeu um pênalti. Campeão da Copa Conmembol como titular, quando ainda era junior.

Rogério é iluminado, isso é inegável. Quantos e quantos momentos que o SPFC precisou dele, seja final, ou um simples jogo de campeonato, e o goleiro fez milagre, defendeu aquele pênalti, fez aquele gol.

Isso é talento, é concentração, é determinação, é força de vontade. É sinal de quem nasceu pra vencer, de quem tem algo a mais que os demais, algo genial.

Rogério não levou 63.000 torcedores (PM estipulou mais de 5000 do lado de fora sem ingresso) para o Morumbi, apenas por estar a 21 anos vestindo essa camisa. Ou por ter feito gols, ou mesmo ganhado um mundial. Rogério Leva uma nação a um estádio porque ele veste a camisa e porque ele é BOM. É CRAQUE.

Bem articulado, inteligente, independente, sempre enfrentou dificuldade no trato com a imprensa acostumada a jogadores sem cérebro, sem pensamento próprio. Até por isso RC sempre teve afinidade com jornalistas acima da média intelectual. Armando Nogueira, Alberto Helena, Juca Kfouri, Calçade, Mauro Beting, etc.

Rogério é Mito no Brasil e no exterior, doa a quem doer. Quando atua fora na libertadores é sempre o centro das atenções. Dá autógrafo atrás de autógrafo, entrevistas, especiais, documentários, e por aí vai. Não a toa foi escolhido pela IFFHS o 13º melhor goleiro da década, e o primeiro na lista a atuar exclusivamente fora da europa.

O que faltou para Rogério ser o maior goleiro da história foi ter abaixado a cabeça para a CBF e ter disputado uma copa como titular. Mas ele não teve a sorte que tiveram Marcos e Dida de o técnico do clube deles ter sido técnico da seleção.

Para concluir, só digo uma coisa e que será repetido por uma geração, ou gerações. Não vi Pelé, mas vi Rogério Ceni. Só os dois foram Mitos ou como diz a torcida São Paulina, M1TO. E quem viver verá. Nunca se esquecerão de Rogério Ceni, como nunca se esqueceram de tantos e tantos Mitos dos esportes, música, cinema, artes, etc.

 

 

4 ideias sobre “Qual o tamanho do Mito Rogério ceni?”

  1. Rogério Ceni é (queiram ou não os torcedores de outros clubes) o melhor goleiro brasileiro dos últimos 15 anos. Ele é o único jogando em alto nível por tanto tempo. Acredito que se a CBF deseja que o futebol brasileiro ganhe a almejada e inédita medalha de ouro olímpica deveria escalar como titular e capitão em Londres 2012 o Mito tricolor.

  2. Ótimo texto Diogo. Podem dizer (torcedores de outros times) que idolatramos tanto o RC porque somos são paulinos. Mas a trajetória, os recordes e conquistas do Rogério Ceni, são fatos inegáveis e comprovados. Um corinthiano veio me falar: “… o RC foi importante para o SPFC e só…”. E eu me pergunto. SÓ? São recordes quase inalcansáveis para um atleta. Mas parece que para alguns para um jogador ser bom, tem que ter jogado na Europa e na seleção… Parabéns Rogério Ceni! M1to dentro e fora de campo.

Deixe uma resposta