Qual melhor meia dos clubes de SP?

Partindo de uma discussão que tem sido recorrente entre os torcedores, sobre quem é melhor, Valdívia ou Ganso, resolvi fazer uma comparação entre as estatísticas de ambos e ainda coloquei os meias de Santos e Corinthians, até como uma forma de tirar a dúvida sobre qual é o melhor dos times  paulistas.

O Valdívia vem sendo muito exaltado pelos torcedores, pois desde a bobagem da expulsão contra o Flamengo, ele voltou como capitão e  tem mostrado um futebol que desde então, o faz um dos melhores jogadores do campeonato brasileiro.

Ele tem jogado como em seus melhores tempos no clube(em 2008 pra ser mais exato), tem sido participativo, não tem se envolvido em confusão e principalmente: sendo decisivo e fundamental para o time ter saído da péssima situação em que se encontrava.

Ganso, Renato Augusto e Lucas Lima vem fazendo também um bom campeonato, inclusive esse último vem sendo exaltado como um dos melhores meias do campeonato por muitos comentaristas.

Para começar, lembremos primeiro o número de jogos dos 4:

Jogos:

Ganso 30 jogos
Lucas Lima 29 jogos
Renato Augusto 24 jogos
Valdívia 14 jogos
Dito isso, vamos aos números(será colocado em ordem pela média de cada um)

 
Gols:

1 – Ganso 5
2 – Lucas Lima 3
3 – Valdívia 0
4 – Renato Augusto 0

 
Assistências:

1 – Valdívia 6(média 0,42)
2 – Ganso 8 (média 0,26)
3 – Lucas Lima 5 (média 0,17)
4 – Renato Augusto 4 (média 0,16)

 
Assistência certa(passe correto q não resultou em gol):

1 – Valdívia 39 (média 2,78)
2 – Lucas Lima 59 (média 2,03)
3 – Ganso 58 (média 1,93)
4 – Renato Augusto 39 (média 1,62)

 
Desarmes:

1 – Valdívia 49 (média 3,5)
2 – Ganso 64 (média 2,13)
3 – Renato Augusto 40 (média 1,66)
4 – Lucas Lima 48 (média 1,65)

Faltas recebidas:

1 – Valdívia 54 (média 3,85)
2 – Lucas Lima 61 (média 2,1)
3 – Ganso 60 (média 2)
4 – Renato Augusto 32 (média 1,33)

 
Passes certos:

1 – Ganso 1182 (média 39,4)
2 – Lucas Lima 1038 (média 35,79)
3 – Valdívia 457 (média 32,6)
4 – Renato Augusto 658 (média 27,41)

Dribles:

1 – Valdívia 25 (média 1,78)
2 – Lucas Lima 43 (média 1,48)
3 – Ganso 42 (média 1,4)
4 – Renato Augusto 16 (média 0,66)

 
Cruzamentos:

1 – Lucas Lima 19 (média 0,65)
2 – Valdívia 8 (média 0,57)
3 – Renato Augusto 12 (média 0,5)
4 – Ganso 10 (média 0,33)

Lançamentos:

1 – Lucas Lima 52 (média 1,79)
2 – Ganso 35 (média 1,16)
3 – Renato Augusto 18 (média 0,75)
4 – Valdívia 8 (média 0,57)

 
Se fôssemos atribuir pontos para cada atributo, considerando 4, 3, 2, 1 do primeiro para o último, teríamos o seguinte resultado:

Valdívia – 28 pontos
Lucas Lima – 26 pontos
Ganso – 25 pontos
Renato Augusto – 13 pontos

 
Podemos tirar algumas conclusões interessantes sobre esses números:

– Ganso e Lucas Lima mostram-se mais efetivos na hora de finalizar(até por conta do Ganso ter sido instruído pelo Muricy a chutar mais, o Lucas Lima já ter essa característica e os outros dois procurarem mais pela assistência).

– A precisão do passe final do Valdívia(como já citei muitas vezes aqui) é realmente notável, o que mostra que entre os 4, ele tem a melhor visão de jogo para achar “buraco” na defesa onde ele possa enfiar a bola.

– O Valdívia é de longe o mais caçado e coloquei essa estatística como relevante principalmente pelo fato que, quanto mais falta o cara leva por jogo, sinal que ele participa mais de lances de perigo, ou seja e considerado maior ameaça(isso sem contar o tanto de vezes que ele apanha que não dão nada).

– Para quem diz também que ele não marca, impressiona a quantidade de desarmes dele por jogo e principalmente a vantagem em relação aos outros 3.

– o Lucas Lima mostra uma qualidade impressionante nas bolas longas(lançamentos e cruzamentos), mostra que ele também tem uma excelente visão de jogo

– O Ganso se destaca muito pelos passes certos, o que mostra que ele é sempre procurado pelo time para distribuir o jogo.

– Apesar de muitas vezes exaltado, os números do Renato Augusto perto dos outros 3 são muito modestos, ele em nenhum dos casos ficou entre os 2 primeiros, mesmo se considerando que atualmente ele tem sido o homem referência do meio do Corinthians.

 
Conclusão: o Valdívia realmente mostra nos números que está entre os melhores de São Paulo e provavelmente do Brasil, haja visto que os meias de mais destaque(casos de D’alessandro e Everton Ribeiro por exemplo) do brasileiro, não tem sido tão determinantes nos resultados de suas equipes, como o chileno vem sendo para o Palmeiras. O time é outro quando ele joga, pois ele é praticamente o único ponto criativo do time.

Por mais que muitos não gostem dele e que até então ele vinha sendo um jogador com o qual não se podia contar, é preciso reconhecer: ele vem jogando um futebol de craque e além de tudo vem mostrando um comprometimento com a equipe que há muito tempo não se via.

Deixe uma resposta