Escolha uma Página

Fiquei um bom tempo analisando as entrevistas de ambos os lados, principalmente essas da segunda, antes de opinar algo sobre essa questão do Kleber, porém mesmo depois de tudo, ainda não consegui chegar a uma conclusão sobre quem tem razão nessa história.

Pra facilitar vejamos primeiro os dois lados da história:

Kleber – alega que nunca disse que queria sair, que não pediu aumento, acusou a direção de jogá-lo contra a torcida, aliás atacou praticamente toda atual diretoria, dizendo que o Tirone é omisso, que o Frizzo não é homem, não honra a palavra, entre outras coisas mais

Diretoria(em especial o Frizzo) – disse que o Kleber está forçando sua saída, fazendo corpo mole pra não completar a sétima partida, usando isso como forma de conseguir um aumento, entre outras coisas também.

 

A história é totalmente mal contada, a cada hora se ouve uma coisa diferente, porém dá pra se tirar algumas coisas disso: o Kleber agiu de forma totalmente insubordinada ao atacar de forma tão grosseira a direção(seja como for, ainda são os chefes dele), criou um mal estar com o departamento médico do Palmeiras por conta do exame feito fora(dando a entender que não era confiável). O fato é que se ele vem agindo dessa forma, é apenas porque o Palmeiras se mostra sem comando, sem uma direção atuante e que saiba agir em momentos de crise, pois é simplesmente vergonhoso você ler ou ouvir declarações como as dele e ver a que ponto chegou uma coisa que poderia ter sido evitada, se a direção se manifestasse e fosse firme nas suas posições.

 

Em tempo: Hoje o Flamengo anunciou em nota que desistiu de tentar contratar o Kleber, agora a bola é da diretoria, que resolva essa saia justa sem prejudicar de novo o Palmeiras…

 

%d blogueiros gostam disto: