Escolha uma Página

A suiça, quando escolhida para cabeça-de-chave pensou que poderia ter uma vida relativamente tranquila e prolongar sua vida na copa, pegando talvez um primeiro lugar e com alguns cruzamentos generosos, chegar até as fases finais do torneio, porém o sorteio não foi tão generoso com os suiços, deixando a renovada França no mesmo grupo.

Faltando pouco para a estreia, vemos que isso acabou mudando um pouco…

O time suiço chega bem preparado para copa e com talvez uma das gerações mais promissoras de sua história, com grandes chances de fazer uma bela campanha(considerando que a melhor da história foi um sexto lugar e eles terminando em primeiro, podem pegar um time do grupo F, uma Bósnia, ainda inexperiente em mundiais), talvez até a melhor de sua história.

Parece absurdo? Olhando bem para a situação atual do grupo nem tanto.

A França que poderia ser a grande soberana do grupo(coisa que eu mesmo não acreditaria), às vésperas do mundial perde seu principal jogador, Ribéry, por conta de uma contusão e já sem contar com Nasri, brigado com o técnico (chega a ser difícil de entender como tem tanta gente birrenta na França, já foi o mesmo quando estava aquele aloprado do Domenech, que não convocava jogadores de determinados signos, insanidade pura) o time da França vem muito enfraquecido para esse mundial. Por mais que conte com as boas fases de Giroud, Benzema, Pogba, Cabaye e Matuidi, nenhum deles tem a condição de assumir o protagonismo ou mesmo chamar a responsabilidade na hora de decidir(Benzema mesmo não tem lá muito crédito com a torcida), o que pode acabar sendo determinante em um confronto mais enroscado(por exemplo contra a Suiça).

Quem ganha com tudo isso é a seleção equatoriana, que de azarão com chances mínimas de conseguir uma vaga, agora tem chances reais de conseguir uma vaga à próxima fase. Pode até parecer exagero, mudar a cotação de cada seleção apenas por conta de um jogador, mas quando se trata de um dos 3 melhores do mundo no último ano, isso fica plenamente justificável.

Antecipando a situação, o jogo Suiça x França, promete ser daqueles mais interessantes da primeira fase.

Podem estar se perguntando porque depois de tudo isso não falei nada sobre Honduras… simplesmente porque não se tem o que falar. O time é realmente horrível(vide aquele jogo contra o Brasil), bate demais e provavelmente vai apelar se sair atrás no placar(lembrando que no caso do jogo citado, nem precisou estar perdendo pra descer a porrada). Talvez arranque algum empate(depois do jogo da Costa Rica, não duvido de mais nada), mas sem chance nenhuma de passar de fase.

Olho nesse grupo, mas principalmente pela Suiça, não pela França.

%d blogueiros gostam disto: