E Começa finalmente a copa de 2014. Mas poderia ser melhor.

 Legal, enfim a copa do mundo no Brasil começa a se desenhar.  Foram realizados ontem no Rio de Janeiro os sorteios das eliminatórias para o torneio que se realizará aqui em nosso país em 2014. Para quem pensa apenas na parte prática, é lindo ver a exaltação ao nosso futebol, ver o reconhecimento a Pelé, Zagalo, Ronaldo, Bebeto,  Cafú, Zico e até mesmo aos futuros craques Neymar, Lucas e Ganso, e as estranhíssimas presenças de Lucas Piazon e Felipe Bastos.

Nem vamos entrar no mérito da grana investida, e para quem, para a realização dos sorteios na capital fluminense. Nem vamos discutir a falta de dezenas de craques simbólicos que não haveriam como não estar ali, vamos esquecer a trágica escolha dos musicais, onde a primeira imagem cultural que o Brasil mostrou para o mundo, foi a Ana Carolina cantando uma música adaptada do Italiano e outra do Inglês. Vou me abster de tentar entender como que a orquestra de Heliópolis tocando Ary Barroso foi sufocada pela música irritante de Ivete Sangalo ou mesmo tentar entender porque mostramos Frank Sinatra tocando garota de ipanema.

Vou apesar disso tudo, tentar entender porque o ranking absurdo da Fifa e regulamentos esdrúxulos, podem fazer com que países tradicionais do futebol fiquem de fora, e países totalmente inexpressivos sejam figurantes sem a menor condição de disputar uma copa do mundo. Começemos pela África, onde temos uma fase eliminatória com países que sequer possuem times de futebol, mas têm o direito sim de disputar o torneio. Os vencedores se juntam as demais seleções e formam 10 grupos de 4 times cada e os vencedores de cada grupo vão a uma fase final. O que acho absurdo é que essas 10 seleções  se enfrentarão através de sorteios e os 5 vencedores do mata-mata estarão classificados para a copa no Brasil. O que isso significa??

Que podemos ter no sorteio disputas como Gana x Costa do Marfim, Nigéria x Camarões, Egito x Senegal e com isso teríamos grandes chances de Argelia, Togo,Angola, Tunisia, entre outras coisas fraquíssimas, disputarem a copa e as grandes seleções citadas antes ficarem de fora ao se enfrentarem. É claro que a copa é uma forma na teoria de inclusão social, porém, é um campeonato de futebol, o campeonato esportivo mais importante do mundo e é preciso que os grandes times e grandes craques estejam presentes, senão teremos copas sem graça como tivemos nas anteriores. É claro que caso os grandes percam dos pequenos é mais que justo que sejam eliminados, mas o que não pode é termos tradicionais times se degladiando e inexpressivos países classificados.

Outra injustiça. Nessas eliminatórias teremos o 5º classificado da CONMEBOL enfrentando um país asiático na repescagem, o que significa que teremos um time da oceania enfrentando um da CONCACAF. Ou seja, podemos ter em um cenário pessimista , um Chile, um Paraguai, Colombia, Japão, uma Coréia do sul, eliminados e por outro lado uma Nova Zelandia, Cuba ou mesmo Honduras de novo classificado. Agora a maior injustiça creio que seja na Europa. Qual é o ranking em sã consciência que coloca Croácia, Grécia e principalmente a Noruega como cabeça de chave? Qual o resultado significativo que teve a Noruega nos últimos tempos? A Grécia ainda foi campeã europeia 7 anos atrás, a Croácia disputou ultimas copas, mas e a Noruega que não disputa uma copa desde 98??…Absurdo isso.

Essa decisão faz que a Grécia em um grupo com os principais adversários como Eslováquia e Bósnia Herzegovina, e a Noruega em um grupo com Eslovenia, Suiça e Albania estejam praticamente já na copa. E seleções como Sérvia, Bélgica, Dinamrca, República Tcheca, Bulgária, Suécia, Irlanda, Áustria, Turquia, Romênia, Hungria, Russia e principalmente a França, todas seleções com maior história que Grécia, Croácia e Noruega, caiam em grupos com grandes potencias e provavelmente tenham que se matar nas repescagens e corram risco de ficar de fora do torneio. Continuo frisando que sou a favor da expansão do futebol, mas a qualidade da copa do mundo também é essencial para que isso aconteça. Tivemos 2 copas do mundo fraquíssimas anteriormente no quesito técnico. Está na hora da FIFA acordar e perceber que copa do mundo sem estrelas não é bom para ninguém.

No quesito técnico, tenho ressalvas quanto a Itália pelo grupo, e Inglaterra pelo futebol apresentado, se chegarão a disputar a copa do mundo. A França caiu em um grupo insignificante, apesar da Espanha. Corre riscos se pegar alguém de peso na repescagem. Eu pessoalmente não sou um dos que torce pela derrocada de grandes seleções nas eliminatórias, ainda mais no torneio aqui em casa. Quero as grandes rivais, quero as seleções com grandes jogadores, esse é o meu desejo pra daqui a exatos 3 anos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta