Escolha uma Página

Passado apenas 1/4 do período de transferências na europa, muitas contratações de impacto já foram feitas, inclusive aquela que era sempre a mais especulada nos últimos 3 anos: a transferência do Neymar, agora jogador do Barcelona. Tendo isso em vista, listarei aquelas que considero as melhores contratações até o momento:
Neymar(Santos-Barcelona) – Sem dúvida será a principal contratação dessa janela. Depois principalmente da excelente copa das confederações que realizou, muito se espera do mais novo companheiro do Messi e agora fica a expectativa de como serão os dois jogando juntos. Acredito que ele fará muito sucesso no Barcelona, mesmo com seu estilo que não combina tanto com o do time catalão, devem achar um meio termo para ele.

Götze(Dortmund-Bayern) – Uma das contratações mais polêmicas, pelo fato de quando foi anunciada. Atitude extremamente infeliz do jogador ao negociar com o rival do seu time na final da Champions e pior ainda não jogou a final alegando contusão(coisa que ainda tenho dúvidas), foi tudo feito da forma errada da parte dele, mas esse não é o foco aqui. O Bayern tem em mãos uma das maiores revelações alemãs dos últimos tempos, um meia atacante excelente, que junto com o Reus e Lewandowski(que por pouco não foi junto) fizeram do Dortmund um dos melhores times da Champions. Deve se encaixar fácil no meio campo do time alemão e dar ainda mais força ao já poderoso time bávaro.

Tevez(Manchester City-Juventus) – Um ótimo negócio do time italiano, principalmente pelo preço que pagou(apenas 10 milhões). O argentino é um jogador bem problemático fora de campo, principalmente por suas crises de saudade da Argentina, porém dentro de campo é o poder de fogo que faltava a Juve e junto com o Llorente(que chegou sem custos nesse meio do ano) devem compensar a fraqueza ofensiva do time, que sofreu com a irregularidade de seus atacantes durante a última temporada. Se tiver a cabeça no lugar, tem tudo para ser dos destaques do time na temporada, pois sempre que joga, se entrega em campo.

Mario Gomez(Bayern-Fiorentina) – O time de florença conseguiu das grandes contratações da temporada e também por um preço relativamente baixo(16 milhões) um dos grandes centroavantes dos últimos anos na europa, que acabou por oscilar nessa temporada por disptar posição com Mandzukic, mas que na temporada anterior havia sido um dos artilheiros da Europa, ao marcar 41 gols na temporada. Diversos times tem caçado jogadores que vejo muito abaixo dele(caso do Higuain por exemplo) e pagando um valor muitas vezes 2, 3 vezes maior e deixaram ele “esquecido” e a Viola pensando rápido, manteve a investida até conseguir dobrar o time alemão e levar o jogador. Apesar de não ser brilhante tecnicamente, é matador e deve encaixar bem com o estilo de futebol italiano, tendo tudo para ser dos artilheiros do calcio.

Isco(Málaga-Real Madrid) – Responsável principal pela excelente campanha do Málaga na Champions e pelas boas participações nos últimos campeonatos espanhóis, deve chegar para ser titular no Real, pois vem mostrando não só qualidade criativa como boa capacidade de finalização, tendo marcado muitos gols na última temporada. Apesar de caro(30 milhões) deve compensar o investimento feito nele.

Falcão Garcia(Atlético de Madrid-Mônaco) – Primeira contratação de impacto do novo rico europeu, o colombiano chega para ser a estrela maior da nova constelação que o magnata russo deseja montar no principado. Acredito sem dúvida que ele fez um retrocesso na carreira, pois ele tinha tudo para levar o time de Madrid a um patamar acima e diminuir ainda mais a diferença para os dois poderosos da Espanha, porém o valor absurdo pago por ele(60 milhões), além claro do grande salário o fizeram repensar a carreira. Ele terá de torcer para um rápido entrosamento de todos reforços que o time contratar, pois do contrário ele acabará desperdiçando a chance de disputar grandes títulos, coisa que ele tem futebol para conseguir(vejo ele atualmente apenas atrás do Messi e C.Ronaldo como melhor atacante do mundo).

Jesus Navas(Sevilla-Manchester City) – Dos melhores jogadores espanhóis no setor ofensivo, vin sofrendo com o fraco time do Sevilla campanhas apenas medianas, sem chance de disputar de igual com os grandes do país, acertou ao trocar de time. Com a debandada de atacantes do time(Tevez e Balotelli), chega para ser titular e voltar a disputar títulos, coisa que se tornou um passado distante do time do Sevilla.

David Villa(Barcelona-Atlético de Madrid) – Pechincha da temporada até o momento, pois por apenas 5 milhões o Atlético levou o substituto do Falcão. Jogador de grande qualidade, que sofreu muito com lesões no último ano, mas que com um time que jogue mais em função dele no ataque, deve voltar aos bons tempos de Valência, pois qualidade para isso ele tem. Apenas acredito que o time deva se reforçar mais, pois ele ainda está muito abaixo de Real e Barça.

Mkhtarian(Shaktar-Dortmund) – Contratado como substituto de Götze, o jogador Armênio tem tudo para dar certo no time alemão. Na última temporada, ele que joga como meia foi artilheiro do time no ucraniano marcando 25 gols em 29 jogos. Não tem a mesma velocidade criativa do alemão, porém compensa sendo muito mais decisivo ofensivamente e marcando muitos gols. Deve mudar um pouco o estilo de jogo do time, porém tem totais condições de manter a força do mesmo.

Paulinho(corinthians – Tottenham) – Cobiçado por muitos gigantes europeus, acabou optando pelo time inglês, que vem tentando retomar seu papel de protagonista e sem dúvida acertou na contratação desse que tem futebol para ser dos melhores volantes do mundo. Marca bem, sabe sair com a bola e principalmente é um elemento surpresa quase sempre fatal, tanto chegando para finalizar com boa precisão, como em bolas paradas com cabeceios perigosos. Conquistou com todo mérito a posição de titular na seleção e com o que vem jogando tem tudo para mantê-la. No clube inglês deve se adaptar bem ao estilo de jogo da Premier League. Se puder jogar com o Bale(que vem sendo especulado em meio mundo) pode ser um dos pilares na busca do Tottenham pelo seu retorno a Champions League.
Ao final do segundo quarto, colocarei novamente aquelas transferências de mais impacto ou mais relevância no mercado europeu.

%d blogueiros gostam disto: