Após nova derrota, Gasperini é demitido da Inter

Gasperini não é mais treinador da Inter

A situação de Gian Piero Gasperini na Inter ficou insustentável. Ontem, na partida de abertura da 4º rodada do italiano, o time de Massimo Moratti perdeu para o fraco Novara por 3 a 1, fora de casa. Além do péssimo resultado, o que mais desagradou ao presidente foi a forma apática em que o time jogou.

Desde que chegou para substituir Leonardo, que partiu para o PSG, Gasperini não conseguiu vencer um jogo. A Inter fez uma pré-temporada pífia com duas derrotas. No italiano, perdeu para o Novara e Palermo, fora de casa, e empatou com a Roma, no San Siro. Ao todo foram cinco jogos, quatro derrotas e um empate. Mas, sem dúvida, pesou o péssimo futebol apresentado.

O treinador tem como esquema tático preferido o 3-4-3, mas não conseguiu implantar em tão pouco tempo sua filosofia. A Inter joga no 4-4-2 ou 4-3-3 há muitos anos. É difícil chegar e já colocar em prática uma nova filosofia de trabalho, a mudança tem que vir com o tempo, com muitos treinamentos.

A demissão

Hoje pela manhã, na velha bota, Moratti oficializou a saída do treinador. “É uma situação difícil, especialmente para Gasperini. Não acredito que o problema tenha sido o ‘feeling’ com os jogadores. O que eu não gostei contra o Novara? Quando se perde desta forma, nada te agrada”, disse o presidente nerazzurri.

Moratti fez cara feia para o jogo de ontem

 Novo treinador

Neste momento, o favorito para substituir Gasperini é Claudio Ranieri, ex-Chelsea, Juventus e Roma. O romano, que completa 60 anos em outubro, está sem time desde que deixou a equipe giallorossa em 21 de fevereiro, quando perdeu para o Genoa por 4 a 3, após o time abrir 3 a 0 de vantagem.

Deixe uma resposta