Alguém desempaca o Felipão?

Chega a última rodada e o Brasil tem a grande chance de terminar a fase em grande estilo e além de passar em primeiro lugar, conseguir transmitir uma confiança maior ao torcedor depois de dois jogos bastante contestáveis do time.

Vem então aquela pergunta: mas o time jogou assim tão mal nesse jogos?

A resposta é: não, porém o futebol apresentado ficou muito abaixo do que o próprio time já apresentou e o pior, muito abaixo do que seleções como Holanda e Chile(uma delas será adversária do Brasil nas oitavas) apresentaram.

Não acho impossível, muito menos improvável que o time melhore e comece a mostrar um futebol de fato convincente, porém tem algo que incomoda e chega a ser até mesmo irritante: a total abominação da comissão técnica por mudanças no time.

Jogadores como Fred e Paulinho tem feito partidas horríveis.

O Paulinho limita-se a passes para o lado no meio campo, as vezes aparece jogando avançado, quase como meia(coisa que não é sua função), não tem aquele estilo “elemento surpresa” que tanto o marcou quando jogou no Corinthians e era um dos melhores a jogar no Brasil, só abaixo do Neymar.

Fred por sua vez é elemento nulo no ataque, parece só querer bola no pé, além do fato mais desesperador: ele não chuta!! Em dois jogos, o “homem-gol” do Brasil teve apenas duas finalizações, o que para um atacante é no mínimo absurdo.

Isso para não citar as avenidas que são os laterais Daniel Alves e Marcelo, que todo jogo tem cansado de receber bola nas costas(no caso do Marcelo, isso costuma ser muito amenizado pela participação defensiva do sempre muito criticado Hulk, o que não acontece no caso do Neymar e Daniel Alves, já que o mesmo não tem a mesma força física).

Qual a posição da comissão em relação a isso? Manter tudo como está…

A teimosia deles beira a burrice. Tantos outros técnicos de seleções do mundial mudaram seus times quando viram que de outra forma e com outros jogadores poderiam render mais, porém parece que fazer isso no Brasil é algo proibido. Ramires mesmo só jogou porque o Hulk estava machucado, senão nem tinha começado o jogo.

Impressão que se tem é que o Felipão vive de gratidão com os jogadores do time titular, como se o fato de tirar algum deles soasse como ser um “traíra”, então devido a isso ele mantém os mesmos e não dá chance a outros que poderiam entrar e render muito mais.

Soa tão absurdo como o dia que ele afirmou que o Júlio César estava convocado e como titular do time. Coisas como essa na minha opinião são péssimas, pois além de desmotivar os reservas, acomoda os titulares, pois eles tem aquela certeza que joguem o que jogar, não saem do time, pois tem lugar cativo ali.

O Fred é caso bem emblemático disso. Teve um ano horrível no seu clube, não vem jogando bem na seleção desde a última Copa das Confederações, as vezes dá impressão de que está em más condições físicas, entretanto não sai do time nem com reza brava. Por que? Vai ficar de biquinho por que acha que jogou muito na Copa das Confederações? E daí? Aquele torneio já terminou e parece que ele ainda tá na ressaca do título dele…

Até declarações grosseiras saíram para a imprensa quando se criticou peças do time titular, como se fosse proibido a crítica.

Temos peças boas na reserva. Maicon, Willian, Hernanes, Ramires, Fernandinho(não, não estou contando o Jô, ele é ainda pior) que podem entrar no time e dar um novo dinamismo. De repente até uma alteração, tirar os 3 atacantes, jogar com 2 meias, ou 3 volantes com dois de chegada, entre outras.

O elenco da copa não é ruim, dá margem para alternativas muito interessantes devido a inoperância do time, porém mesmo durante o jogo se nota que as mudanças são apenas de jogador, não de esquema, ou seja tá difícil…

Ficar passando a mão na cabeça dos jogadores e querer ficar dando moral me parece algo tão errado quanto sair atirando para todo lado quando o time perde.

Continuar desse jeito, ele vai “morrer abraçado” com seus queridinhos, pois é preciso ter pelo menos um pouco de bom senso para saber quando alguém simplesmente está em uma má fase, precisam dizer para ele que isso também faz parte do futebol, até os melhores jogadores tem fases ruins(porém os diferenciados mesmo na fase ruim conseguem ajudar e no caso específico falamos de bons jogadores, nada além disso) e se quem saí não consegue entender e aceitar isso, mostra apenas que não tem condição nenhuma de integrar um elenco de qualquer esporte coletivo que seja.

 

Deixe uma resposta