A metamorfose ambulante

Ver o Palmeiras jogar tem sido algo realmente complicado para a torcida… Quando parece que o time vai, ele empaca… Depois daquelas duas semanas perfeitas, onde o time garantiu com antecipação a classificação no Paulista e Libertadores, o time vacilou, perdeu para o Ituano e Sporting e complicou e muito sua situação nas competições… tanto que pagou o preço no Paulista, pois foi eliminado pelo Santos.

Apesar de não ter jogado mal contra o time da vila, o Palmeiras poderia ter enfrentado algum time de menor expressão e até evitado cair tão cedo na competição. É o preço que se paga quando se relaxa na hora errada.

Terça será o real teste do primeiro semestre: o jogo contra o Tijuana, no México, outro jogo que poderia ser evitado, pois se tivesse vencido o já eliminado sporting, estaria do outro lado da chave, onde pegaria o Emelec e na próxima fase enfrentaria ou Tigre ou Olímpia, porém desse lado pega o complicado time mexicano e na fase seguinte pode enfrentar ou Atlético MG ou São Paulo.

A equipe alviverde continua a oscilar demais, relaxou quando conseguiu as classificações e acabou complicando sua vida em ambas competições, reagiu de certa forma no Paulista, fez um bom jogo contra o Santos e a eliminação nos pênaltis não pode ser considerada uma falha pelo time ter jogado mal, foi um jogo bastante equilibrado.

O melhor do jogo foi a moral com a qual o goleiro Bruno irá para os jogos da Libertadores. Desacreditado após o jogo contra o Ituano, fez uma partida praticamente impecável contra o time santista e chega muito mais confiante para esses jogos

Acredito que o time consiga passar pelo Tijuana com certa dificuldade e chegando nas quartas com um clássico nacional, tem até chance de chegar as semifinais(pois considero o jogo doméstico sem favoritos por conta de rivalidade, mesmo que o rival seja o Galo), depois acho que talvez seja o limite da equipe alviverde, acho improvável que caso chegue as semis, passe, porém dependerá muito principalmente do time que estará jogando(leia-se contar com o “incontável” Valdívia) e até com o desempenho do Kleber, agora que desencantou, podem ser fatores que deem uma chance de vida mais longa na competição, porém como tudo esse ano no Palmeiras, é extremamente incerto, então o jeito é o torcedor aguardar…

Deixe uma resposta