A Espera de um Craque

Dois jogos, dois empates e pouca empolgação da torcida. Até agora a participação do Uruguai só não tem decepcionado pois Argentina e Brasil conseguem passar apertos maiores.

Na verdade ontem, com bela atuação de Messi, a Argentina conseguiu a primeira vitória na Copa América dos favoritos ao título. Menção também a “Kun” Aguero que fez os dois primeiros jogos e fez uma bela partida.

Mas falemos da Celeste Olímpica. O time uruguaio é muito semelhante ao que disputou o mundial e chegou até a semi-final. Alguns jogadores até se destacaram muito mais depois da Copa do Mundo e fizeram temporadas brilhantes na Europa como Cavani e Luizito Suárez.

O problema é que o melhor jogador do time, melhor da Copa de 2010, Diego Forlán não vem bem. E com sua má fase todo o jogo uruguaio cai muito.

E não só isso, o futebol da seleção uruguaia se baseia, hoje, em marcação forte e saída rápida com seus três atacantes. Contra equipes que a esperam, ou seja, quando o próprio Uruguai tem que atacar a equipe encontra dificuldades, não saber como fazer.

No último jogo contra o Chile nem foi este o caso, a equipe de Valdívia fez um excelente segundo tempo e o empate ficou no lucro para os platinos.

O Uruguai deve se classificar e como Brasil e Argentina ainda compõe o trio de favoritos, mas o futebol apresentado está muito abaixo do esperado.

Todos sabem que está na hora de Forlán jogar, do craque aparecer, enquanto isso não acontece o time sofre pela falta de qualidade no meio campo.

Deixe uma resposta